28 de março de 2017

Satisfeita

maori-sakai-zupi2

Está tocando Vanguart (meu Sol) e eu estou escorada na porta tomando café do escritório com uma chuva caindo lá fora, satisfeita por ter organizado coisas na noite passada, coisas bobas e materiais como roupas, papeis e séries.

Ontem eu estava totalmente diferente, estava no mesmo escritório com o mesmo café, mas a cabeça bagunçada e desanimada, aqueles dias que permitidos nos sentir uma merda. Aí abri o livro Felicidade da minha autora favorita Martha Medeiros, em uma de suas crônicas ela cita algo do tipo “[...] ESTARMOS EM PAZ COM A VIDA, MESMO POSSUINDO PROBLEMAS, MESMO TENDO QUESTÕES SÉRIAS A RESOLVER NO DIA A DIA [...] , e lá vou eu e meu marca texto florescente grifar está frase (alias não consigo ler seus livros sem ele)

Tudo veio a toda agora, estou satisfeita com problemas, satisfeita com desanimo, satisfeita com sentimentos, satisfeita com a conta atrasada, satisfeita com a roupa molhada da chuva, satisfeita com o pouco tempo, satisfeita com os términos, satisfeita com a dieta, satisfeita com as dores; Pois é possível ser feliz e grata com tudo isso, por que no fim não sou grata a rotina e aos problemas, mas sim grata à coisas que sei que pode cair o meu mundo em volta, mas essas coisas continuaram bem por enquanto: Família, abrigo , comida e paz.

PS: O dia está ensolarado hoje aqui, mas o texto foi feito
a um tempinho atrás hahah (não em tempo real) ok.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não esqueça de deixar seu comentário e sua opinião sobre o post ! Além de ler todos também terei o maior prazer de retribuir. Quer tirar alguma dúvida? Você também pode entrar em contato pelo e-mail: grazielle.matos@hotmail.com.

Beijão e fique sempre a vontade !

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo