12 de agosto de 2014

{Resenha} Delírio


Distopia, Amores, Desamor e Dor.
por Lauren Oliver 

Sinopse: "Muito tempo atrás, não se sabia que o amor é a pior de todas as doenças. Uma vez instalado na corrente sanguínea, não há como contê-lo. Agora a realidade é outra. A ciência já é capaz de erradicá-lo, e o governo obriga que todos os cidadãos sejam curados ao completar dezoito anos. Lena Haloway está entre os jovens que esperam ansiosamente esse dia. Viver sem a doença é viver sem dor: sem arrebatamento, sem euforia, com tranquilidade e segurança. Depois de curada, ela será encaminhada pelo governo para uma faculdade e um marido lhe será designado. Ela nunca mais precisará se preocupar com o passado que assombra sua família. Lena tem plena confiança de que as imposições das autoridades, como a intervenção cirúrgica, o toque de recolher e as patrulhas-surpresa pela cidade, existem para proteger as pessoas. Faltando apenas algumas semanas para o tratamento, porém, o impensado acontece: Lena se apaixona. Os sintomas são bastante conhecidos, não há como se enganar — mas, depois de experimentá-los, ela ainda escolheria a cura?"

 ...

Delírio é o primeiro livro de uma trilogia, onde o foco principal é o amor, a historia se passa num futuro próximo onde o governo designo que o amor é uma doença que leva a morte chamada Deliria Nervosa, por este motivo é decretado que todos ao completar 18 anos devem passar por uma intervenção que distinguem essa doença do corpo humano. E assim surge a protagonista Lena Haloway que está com 17 anos e foi criada com essa filosofia de que o amor mata, já que sua mãe foi morta por esta "doença".

O que lena mais deseja é passar por essa intervenção e ficar livre da exposição a esse vírus, até que a mesma começa a senti-lo na pele, por Alex, um jovem de olhos azuis, simples e demasiadamente encantador e simples, mas Alex é um "curado", ou seja, não há risco dele conter a tal doença, certo? Errado. Alex é um um invalido (não passou pela intervenção e/ou não funcionou a intervenção) que se infiltrou na sociedade curada e que vai ajudar Lena a descobrir a verdadeira face do governo, e o que tem por de traz dessa massante proibição do amor, e ainda mais saber que existem muitos outros como ele. 

Dentro desta história tem uma coadjuvante que tem grande peso, a melhor amiga de Lena, a Hana, que inicialmente é a rebelde, que não quer ser curada, que quer curtir a vida, que baixa musicas clandestinamente que contem melodias e rimas dignas para provocar algum sintoma equivalente ao amor e acima de tudo cúmplice de Lana.


Delírio tem uma narração cheia de informações e bem descritiva, acho que isso se generaliza a quase todas as distopias, já que é um novo mundo, cheio de coisas para se apresentar o leitor, mas Lauren Oliver soube muito bem medir entre descrição e chatice, não chega a ser uma narrativa cansativa. O personagem de Lena é muito serena e muito descrente e que demora um pouco para perceber que é a protagonista da história, e quem se destaca e que rouba a atenção é a personagem de Hana sua melhor amiga, mas após o desenrolar Lena assume seu papel e Lauren Oliver consegue fazer com que a personagem entre em nossa mente, fazendo com que nos sofrêssemos com ela durante o livro todo.

Um bom livro, uma boa história, e uma distopia que envolve a falta de amor no mundo (já pensou?), porém faltou um pouco mais de ação e um up para dar aquele climão para o segundo livro, apesar do final incrédulo , mas mesmo assim acho que é uma leitura super considerável e bem propicia a te contaminar com deliria nervosa.


Os direitos autorais de Delírio foi comprado pela Fox com a intenção de virar uma série, onde exibiu o episódio piloto recentemente na internet, que até então foi recusada, mas tem muitos fãs pressionando para que a série realmente saia do piloto, confiram o trailer:



Nota Geral (3,9 de 5)

Para quem  quer ver o Piloto completo em inglês, clica aqui .

7 comentários:

  1. Olha, me pareceu bem interessante! Não tinha lido nenhuma resenha ainda, mas fiquei curiosa. Parece ser um pouco lento (por você ter falado que faltou ação) mas o enredo parece muito bom!

    Beijos, Carol
    Aquela Princesa

    ResponderExcluir
  2. Parece ótimo! E que capa linda heim.
    Quero muito ler.

    BeijO :*
    Blog Luanna Ravanelli / Fanpage / Instagram

    ResponderExcluir
  3. Oie, Grazi! A capa desse livro é tããão linda. Eu li ele no mês passado, mas não gostei muito da história... :( a ideia realmente era mto boa mesmo.

    Beijos
    Nati

    www.meninadelivro.com.br

    ResponderExcluir
  4. ainda não li, mas despertou a curiosidade
    passando para desejar excelente final de semana, com muita saúde, amor e paz
    bjs
    tititi da dri

    ResponderExcluir
  5. An fascinating discussion is value comment. I think that it is best to write extra on this matter, it won’t be a taboo topic however generally people are not enough to talk on such topics.

    ResponderExcluir

Não esqueça de deixar seu comentário e sua opinião sobre o post ! Além de ler todos também terei o maior prazer de retribuir. Quer tirar alguma dúvida? Você também pode entrar em contato pelo e-mail: grazielle.matos@hotmail.com.

Beijão e fique sempre a vontade !

Copyright © 2014 | Design e Código: Sanyt Design | Tema: Viagem - Blogger | Uso pessoal • voltar ao topo